top of page

Dia Internacional da Criança com Cancro

Atualizado: 13 de mai.

Hoje, no Dia Internacional da criança com Cancro, o nosso coração está com os jovens guerreiros entre nós. Estas incríveis crianças ensinam-nos o verdadeiro significado da coragem, lutando não apenas contra uma doença, mas contra os inúmeros desafios que ela traz a cada dia.


cancro infantil

Na verdade, esta luta não é só deles. É uma dramática jornada que partilhamos enquanto comunidade, enquanto sociedade empenhada em nutrir e proteger os seus mais frágeis. Estendamos as mãos em apoio autêntico, seja doando para a investigação, ativismo pela defesa dos direitos ou simplesmente uma palavra de amor. Todo esforço conta.


Ao nos solidarizarmos com as corajosas jovens almas que lutam contra o cancro, recordemos o delicado equilíbrio da vida e da força que emerge de dentro quando esse equilíbrio é desafiado.


Na Medicina do Leste Asiático (MLA), a saúde vai além da ausência de doença; é o fluxo harmonioso do Qi, a energia vital que percorre o corpo. Ao apoiarmos os nossos jovens guerreiros, abraçamos uma abordagem holística, nutrindo não apenas os seus corpos, mas também as mentes e os espíritos.


As crianças, vistas como, puro Yang, pura vitalidade e potencial de crescimento na MLA, são abordadas de maneira única.

Os seus corpos em desenvolvimento exigem uma consideração cuidadosa, e os tratamentos são adaptados para apoiar a capacidade de cura intrínseca dos seus corpos jovens.

Enfrentar o cancro pediátrico na MLA significa considerar não apenas os aspetos físicos, mas também os fatores ambientais. A abordagem holística destaca a importância de compreender não apenas a doença, mas também o ambiente em que a criança vive.

O tratamento dos cancros pediátricos, é especializado. As dosagens de substâncias naturais, por exemplo, ajustadas com base no peso, na função gastrointestinal e a sua capacidade de digerir e assimilá-las. Os tratamentos são mais simples, menos invasivos e de “dose” menor, adaptados para apoiar e nutrir a capacidade de cura intrínseca do corpo jovem.


Neste Dia Internacional da Criança com Cancro, honramos não apenas a luta contra a doença, mas a busca por vidas mais plenas após o tratamento.


Reconhecemos os profissionais de saúde que combinam a medicina moderna com abordagens holísticas, exemplificando um cuidar compassivo e inclusivo.


À medida que avançamos, continuemos a apoiar a pesquisa em terapias integrativas, garantindo que todas as crianças tenham acesso a cuidados que abordem todos os aspetos do seu bem-estar.


Honremos o papel da nutrição, da atenção plena, da arteterapia e de outras práticas complementares que trazem conforto e força a estes jovens pacientes e às suas famílias.


Estas práticas, juntamente com o tratamento convencional, representam a nossa esperança coletiva - não apenas de sobrevivência, mas de vidas mais abundantes após o tratamento.


Juntos, podemos trabalhar para um futuro onde o tratamento do cancro infantil não seja apenas sobre sobreviver, mas viver em todo o seu potencial.


Neste dia, honramos estas jovens almas por nos lembrarem da profunda interligação entre saúde, ambiente e energia dinâmica. A sua jornada inspira-nos a buscar uma compreensão mais profunda da saúde e cura, unindo sabedoria antiga e conhecimento moderno para um futuro onde todas as crianças prosperem.


Que este Dia Internacional da Criança com Cancro seja um lembrete da nossa visão partilhada: um mundo onde a força de uma medicina mais autêntica ajude todas as crianças a enfrentar o cancro não apenas para sobreviver, mas para viver as suas vidas em todo o seu potencial.

10 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page